quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Liquid fire

Surpreendentemente esse fogo não me queima...
Pelo contrário, ele sacia minha sede de viver.
Esse mesmo fogo arde na alma dela também.
Não se pode apagar água com água...
Talvez devêssemos apenas beber esse fogo até a sua última gota.
Quem sabe, assim, lembramos que não precisamos esquecer...

33 comentários:

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Soberbo! Você como ninguém sabe mostrar-se por inteiro.
O fogo não queima não, só arde, alías tudo que é especial deveria ser visto com a alma,... há essas almas.
Um grande beijo querido Poeta,
nossa, pareçe que incomodamos alguem.
Não fique muito sério não, que amores não são para já!

BANDEIRAS disse...

De que fogo vc fala? do fogo do amor? esse não queima, arde deliciosamente...
E ninguém deseja que ele seja apagado.
Escreves maravilhosamente gostoso de se ler. És belo, como tuas poesias.
Bjs.

Anônimo disse...

Hum... tá inspirado heim? leio suas linhas e reconheço fragmentos... frases... gosto disso, gosto muito disso.

[...]

Talles Borges e Borges Moreira disse...

Lindo demais
Adorie o poema
Eh de sua autoria?
Abraços!

Marcelo Martins disse...

É sim, Talles.
Grato =)

Inside Me disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Juliana disse...

Um pra eu visitar com mais freqüência.
Imagino que sentir o sabor do fogo deva ser importante também.

Inside Me disse...

idem*******

Princesa Paty disse...

Certo tipo de fogo não deve nem tentar ser apagado, ele é feito pra arder e aquecer algo.
Bebendo o fogo como vc falou, ele se tornará cada dia mais acochegante e prazeroso.

Lindo!

Beijos!

Carol Rezende disse...

Adorei seus textos... me perdi horas lendo eles ^^
Vou te linkar pra naum te perder mais de vista.
Bjinhos

Pri, prazer disse...

"Fogo Líquido", adora contradições, tipo "Neve no Deserto", kkkk

Beijo Ma ;)

Danielle Ribeiro disse...

Quero morrer afogada...

Danielle Ribeiro disse...

Mais uma coisa, perfeito o banner, muito criativo...
Belos olhos...

Antunes Ferreira disse...

LISBOA * PORTUGAL
ferreihenrique@gmail.com


Boas

Passei hoje por aqui para te dizer olá! E ver como vão as coisas. Pelo que vejo, felizmente bem. Repito: gosto deste blogue. Virei cá sempre que puder pois entendo que o mereces – e dá-me prazer.

Espero também que voltes ao meu Travessa do Ferreira (www.travessadoferreira.blogspot.com). Ou que o visites pela primeira vez. Ficarei, podes ter a certeza, muito satisfeito.
Qjs Abs

Beti Timm disse...

Sr. Marcelo,
fogo, é essência, vida! Tudo que queima, marca, permanece! Não se esquece! E quase sempre vem da alma, e transcede a tudo que é efêmero. O que é árduo é perpétuo!Isso se chama "consistência"!Beijos mornos

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querido Marcelo, soberbas as tuas palavras, só quem sabe amar escreve assim!
Bom fim de semana e deixo-te muitos beijinhos de carinho,
Fernandinha

Tanmi Morais disse...

que poema liindo :D

sempre falando de sentimento e da pessoa amada...

, beeijo:*

Flor de Lotus disse...

Inevitávelmente pensei na frase de uma música do The Doors:
"Come on baby, light my fire
Try to set the night on fire "

Que assim seja, que a noite seja incendiada pelas idéias e desejos, um fogo que arde e não queima e que alimenta sobretudo o pulsar da vida...
Beijos para ti.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

O fogo do amor não queima, nem se apaga, só precisa ser alimentado, dia a dia, até mesmo regado com carinho, como se fosse uma flor.
O seu Blog é muito lindo.
Convido-o para viistar o meu, que tem nova postagem sobre James Dean, com a publicação de vários trabalhos dos amigos aqui da blogosfera.
Um beijo,
Renata
wwwrenatacordeiro.blogspot.com

Monique Frebell disse...

Lindo!!!
Parece que tem alguém apaixonado por aí, hein!?

Bjinhus!

Pecadora disse...

Adorei o novo layout do blog e a id�ia do fogo l�quido tamb�m, entendo quando diz que n�o te queima, na verdade a pr�pria id�ia de alma est� ligada � imagem de uma chama, ent�o fogo � vida, � ess�ncia, portanto n�o temos que temer � vida...Que bom que gostou do visual do meu blog,isso vindo de voc� que entende � um baita elogio,obrigado e volte sempre...
Beijo!

Assim que sou disse...

Gosto demais da idéia da sede, daquilo que buscamos, desesperadamente ou não, para saciar o que não posso abrir mão. Penso no amor assim também. Impossível esquecer da sede. Impossível esquecer do amor.

bjs. Veronica

Tâmara disse...

Ai Que lindo isso!!!!

Bjos!!!

Aline Alves disse...

Oi Marcelo!
Estou aqui para te informar do meu novo blog.
O antigo (aline.a.zip.net) pode esquecer.
Atual: http://www.alves-aline.blogspot.com

Beijos!

P.S.: Só pra constar: "O prato de hoje" continua (delicioso, por sinal)!
http://www.opratodehoje.blogspot.com

Aline Alves disse...

AH, eu ADOREI o teu post! Daria um belo romance?
E o teu layout tá tudo a ver.

Beijos!

Mila disse...

Mááááááááááááá!
Troca esse azul.

Adorei o texto: beber esse fogo até a última gota. Perfeito.

euzinha disse...

Adorei seu blog e este texto..acho que em tudo devemos beber o fogo ate a ultima gota pq so assim a gte vai sentir que valeu a pena...
bjoo

Marcia Barbieri disse...

Amor é fogo brando, é exibição de pirotécnicos.Parabéns!
abraço
Marcia

paula barros disse...

Adorei a cor do azul. Gosto muito do azul.
Já tem gente que sugere trocar. Interessante não é?
Tiro a lição que realmente só devemos fazer o que nos vem da alma, quando somos guiados por nós mesmo. As opiniões vão sempre divergir. Vir a seu blog, é beber de uma fonte de criatividade, boa escrita, muito sentimento. É aprendizado, de vida e para a vida.
*****************************
"Liquid fire" - é intrigante na forma de dizer.
Fico impressionada.

abraço.

Águas de Março disse...

Não estavas tu, nem eu, sobre a terra,
nem a chuva chorava seu triste pranto
de estrelas na triste noite, ferida de amor, e o silêncio era tanto....
Bravo Poeta, você é maravihoso.

Humana disse...

Só posso dizer que adorei!
Que adoro essa forma linda, poética e apaixonada como usas as palavras!
Beijinhos

Camilinha disse...

Se pudesse, beberia doses excessivas de fogo.
Tenho andando com muita água [fria].Falta calor.
Parabens pelas palavras.
Lindas.
Inesqueciveis.
es poeta.

Clecia disse...

Gostei do post! LIndo, como sempre! Passando rapidinho para atualizar a leitura do blog e também para desejar que tenha um ótimo fim de semana! Bjos!