domingo, 13 de setembro de 2009

Pequeno diálogo na semana passada com uma adorável (e curiosa) interlocutora


_Você tem um olhar triste...É caladão, mais ouve do que fala, sempre na sua, meio que desligado do mundo, você é triste?!
_Hahaha, não, não. Apenas alterno bons e mals momentos como todo mundo.
_Então por que esse seu jeitinho tão reservado? Mesmo em uma reunião tão agitada como essa você está aí, perdido nos seus pensamentos, sei lá...Cadê sua namorada???
_Aiaiai, rs.
_Aaaaah, então é isso!!! Você precisa de uma namorada, eu sabiaaaa!!!
_Hahahahahaha, meudeus não! Nada disso, vamos com calma. Eu não sou triste, sou na minha sim porque trata-se da minha natureza ser ensimesmado e não, eu não sou desligado do mundo. Sempre estou bem ciente de tudo o que se passa a minha volta.
_Mas você sente falta de alguém né?
_Todos sentimos falta de alguém, você não?
_É verdade...Mas e se esse alguém que você sente falta voltasse, assim, num passe de mágica, o que você faria?
_Eu não ouviria mais que tenho um olhar triste.
_rs

11 comentários:

Única e Exclusiva disse...

kkkkkkkkk

Rir muito qdo li, foi formidável tua resposta pra ela.

Imaginei coisas, rsss

Bjos ;****

SAM disse...

É isso...


Boa semana, Marcelo! Beijo

Juliana David disse...

Olá Marcelo,

Que saudades de ler suas postagens. Fiqueo muito tempo sem escrever e acessar os blogs, mas estou de volta. Venha me visitar.

Bom te ler novamente.

Beijos

Única e Exclusiva disse...

Brincadeira no meu blog para vc, passa lá!

bjos ;*

Marcelo disse...

Passo

[ rod ] ® disse...

Esse aiai...r.s eu conheço... e digo!! e quem não precisa de um complemento amigo?

Abs,






dogMas...
dos atos, fatos e mitos...

http://do-gmas.blogspot.com/

Alessandra disse...

Oi Marcelo,

Sabe que me identifico muito com esse teu jeito de ser, mais quieto, recatado. Mas a vida sempre nos prepara belas surprezas, e hoje em dia já não tenho o olhar tão triste, nem o coração tão sobrecarregado. Eu tenho certeza que uma pessoa assim tão sensível como você, ainda terá muitas boas surprezas na vida.

Bjo.

Fernanda. disse...

Olhares tristes nem sempre sçao tristes. Mas se os seus, realmente estiverem assim: Desejo que ela volte!

Adorei seu blog.
:*

Ale Danyluk disse...

Eu diria que"Sorrir" com os olhos é tão bom...
E isso só acontece quando a gente tá acompanhado internamente....

Adoro suas sacadas.
Beijo
Ale

Fernanda. disse...

É, também prefiro ver o amor como um quebra cabeça. E concordo com sua visão, em número, genero e grau! rs

O xadrez é jogo de conquista, 'vence' quem tem melhor estratégia. O quebra-cabeça, não. Esse, é um jogo requer paciência, cuidado e dedicação...

:)

Beijos e ótima semana.

Atriz disse...

adoreeeei sua história!!!!

aaahh os olhares!!!! estes dizem tudo!

acabei de postar algo sobre o olhar.

bj! Gisele